Logo ViaQuatro

CENTRAL DE ATENDIMENTO
Segunda a Sexta, das 6h30 às 22h00
Sábado e Domingo, das 8h00 às 18h00

Exposições em setembro nas estações da Linha 4-Amarela

02/09/2019

São Paulo, setembro de 2019 - Os passageiros que utilizam a Linha 4-Amarela estão convidados para uma viagem cultural por meio das intervenções artísticas que acontecem nas estações durante o mês de setembro.

As exposições fazem parte da agenda de atrações que a concessionária ViaQuatro mantém com objetivo de oferecer cultura, conhecimento e entretenimento aos 800 mil passageiros que circulam por dia útil pelas estações.

Confira:

Em setembro, a Estação Paulista recebe a mostra institucional do Museu do Café. Por meio de 10 painéis é possível conhecer a história do museu inaugurado em 1998, um dos principais pontos turísticos da cidade de Santos e tem como objetivo a preservação e divulgação da história do café no Brasil e no mundo.

Além da exposição, o público poderá degustar cafés especiais e aprender algumas curiosidades sobre a bebida com a “Dica do Barista”. As ações acontecem em 4 de setembro na Estação Paulista e 4 de outubro em Fradique Coutinho, das 14h às 16h. A exposição permanece para visitação até 30 de setembro. Em outubro, ela será exibida na Estação Fradique Coutinho.

Também na Paulista, é possível conferir a mostra "Olhar Além D’ELA", do fotógrafo André François, na qual ele apresenta uma exposição fotográfica sobre esclerose lateral amiotrófica (ELA). A obra revela um olhar sensível sobre a doença neurodegenerativa ainda desconhecida por muitos. As imagens mostram o cotidiano de todos os envolvidos e a rotina dos pacientes do Instituto Paulo Gontijo (IPG), parceiro da ViaQuatro na ação junto com a ONG ImageMagica. A exposição fica em exibição na Estação Paulista em setembro.

Já a Estação Fradique Coutinho recebe a exposição “Faces da Reabilitação”, que conta com imagens de pacientes da Rede de Reabilitação Lucy Montoro. A mostra tem o objetivo de elevar a autoestima dos pacientes. O ensaio foi produzido pela terapeuta ocupacional e fotógrafa Tatiana Pedroso, após uma oficina de visagismo e maquiagem que contou com a participação dos pacientes. A Rede Lucy Montoro é referência em reabilitação para pessoas com deficiência e doenças incapacitantes, e o atendimento é realizado por uma equipe multidisciplinar, composta por médicos fisiatras, enfermeiros, fisioterapeutas, psicólogos, terapeutas ocupacionais, fonoaudiólogos, assistentes sociais e outros profissionais especializados. 

Na Estação Oscar Freire, a ViaQuatro, em parceria com o Fleury Medicina e Saúde, apresenta a mostra ‘Estações Paulista’, do fotógrafo Claudio Lobo. Sob a curadoria de Marly Porto, 20 fotos apresentam a diversidade cultural e social da avenida mais famosa de São Paulo com a proposta de conectar o metrô ao corredor cultural da Paulista. O fotógrafo sempre observou a metrópole com a curiosidade de quem vem de fora. Formado em engenharia, seu olhar artístico reflete a relação das pessoas com a cidade que, ao longo do tempo, transforma seu contexto histórico e social. A exposição permanece para visitação até 30 de setembro.

A Estação Higienópolis-Mackenzie recebe a obra Procuro-me, da artista Lenora de Barros. Uma parceria entre a concessionária e o Museu de Arte Moderna de São Paulo que levará ao público parte do acervo que integra a coleção do Museu. A obra, que ficará disposta em 20 painéis, exibe diferentes autorretratos da autora, imitando fotografias de pessoas desaparecidas, comuns nas estações de metrô e vias públicas. No entanto, ao invés de estar em busca de outra pessoa, Lenora procura a si mesma. A mostra fica em cartaz na estação até 30 de setembro.

Em parceria com a Bela Vista Cultural, a Faria Lima recebe, até 30 de setembro, a exposição fotográfica Uma Leitura Visual e Poética de São Paulo. As imagens captadas pelo editor Fábio Brito, destaca detalhes e padrões da capital paulista os quais, muitas vezes, passam desapercebidos pelos seus moradores que estão envolvidos em suas rotinas cotidianas.

Ver mais notícias